Novo conceito odontológico 209

Trazendo um novo conceito para a área odontológica, Renata Horn, inaugura novo centro de especialização em Icaraí

“Hoje me sinto uma profissional altamente capacitada e bem preparada para te acolher e devolver sua alegria de sorrir.”

Qualidade e eficiência profissional no atendimento ao cliente são algumas das prioridades que englobam o novo método de saúde bucal, denominado como Atelier Odontológico, que possui como base fundamental às normas de biossegurança, que tem como objetivo principal assegurar que qualquer procedimento realizado na área da saúde seja realizado de forma segura, tanto para os profissionais quanto para os pacientes, a fim de que gere resultados satisfatórios de uma maneira geral.

 

RenataRenata

O Atelier Odontológico reúne, em um só local, todos os serviços do segmento, proporcionando maior rapidez, exclusividade, conforto e excelência nos procedimentos clínicos e laboratoriais. E pensando em inovar e personalizar os serviços oferecidos na cidade de Niterói, a profissional em Odontologia Especializada, Renata Horn, celebrou no dia 22/08/2018 no Bistrô Mac, Museu de Arte Contemporânea, o coquetel de inauguração do novo Espaço Odontológico instalado em Icaraí.

“Eu vim para fazer a diferença. O que me move é devolver sorrisos, eu amo devolver sorrisos.”

Renata Horn é uma profissional com 15 anos de carreira que sempre focou em tornar-se uma especialista cada vez mais capacitada e completa. Em razão disso, aperfeiçoou-se em três títulos: Implantodontia, periodontia e ortodontia e mais de 10 imersões, no Brasil e exterior, incluindo a reabilitação oral, estética integrada, reconstrução óssea guiada, plástica periodontal, harmonização facial e muito mais.

Portanto, não há dúvidas de que Niterói ganhou um novo espaço, estrategicamente idealizado para um atendimento personalizado e exclusivo. Um conceito contemporâneo de odontologia, que une excelência profissional, tecnologia e conforto para obtenção da satisfação plena dos pacientes. Não somente para abrir a porta de um consultório novo, moderno e equipado, mas com um profissionalismo capacitado para devolver sorrisos.

“Eu jamais abriria esse espaço se eu não me sentisse capaz de fazer esse serviço com excelência.”

Curta e compartilhe a Revista X!
0
Previous Article
Jornalista (23). Fã de esportes, apaixonada por futebol e leitora assídua. Contato: thamirys.jornalista@gmail.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Revista X na Brazil Quality Summit 2018 182

No dia 10 de Maio 2018 aconteceu no hotel Windsor na Barra da Tijuca a XI edição do Brazil Quality Summit, um evento organizado pelo Latin American Quality Institute (LAQI) com o intuito de formentar a qualidade total de empresas brasileiras.

LAQI

O Latin American Quality Institute, além de ser a responsável pelo Brazil Quality Summit, é uma organização privada, sem fins lucrativos, que foi fundada no Panamá em 2007, possuindo como objetivo levar poder ao corpo empresarial latino-americano e proporcionar inteligência empresarial por meio de um modelo de excelência, alinhado com tendências mundiais.

XI EDIÇÃO DO BRAZIL QUALITY SUMMIT

A XI edição do Brazil Quality Summit teve como desafio transformar negócios. Criar impacto em longo prazo para as empresas e para a sociedade além de premiar as empresas que se destacaram em 2018.

Durante o evento os convidados puderam participar de diversas conferências destinadas a promover a aplicação dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU (ODS) na atividade diária das empresas, seus integrantes, stakeholders e esfera de influência, com a finalidade de conseguir o futuro que queremos até 2030.

O ciclo de conferências começou às 15h, com as boas vindas de Daniel Maximilian da Costa, CEO & Founder do Latin American Quality Institute, às 15h15min estava programado para começar a conferencia com Daniel Brizon que veio falar sobre Qualidade Total e Gestão Humana, para isso Daniel usou seu grande talento como palestrante mesclando seus dons em ilusionismo para falar sobre como incorporar uma gestão de qualidade e empoderamento de talento humano de acordo com as ODS 3 (Saúde e bem estar), 5 (Igualdade de gênero) e 8 (Trabalho decente e crescimento econômico).

Logo após, foi a vez de Julio Araujo palestrar sobre RSE e Impacto nos negócios, para isso Julio falou sobre como obter objetivos de impacto triplo empresarial aplicando as ODS 10 (Redução das desigualdades), 12 (Consumo e produção responsável), 13 (Ação contra a mudança global do clima) e 15 (Vida terrestre). Sua conferência mostrou a todos como o consumo irresponsável prejudica nosso pais e o futuro da humanidade, e que são necessárias medidas extremas para diminuir esse consumo o quanto antes, ou em pouco tempo, com o crescimento populacional, nosso planeta não será suficiente para todas as nossas “necessidades”.

 

Tivemos ainda a especialista Ana Cristina Campelo falando sobre Marketing e vendas com comunicação corporativa. Ela apostou em um apelo mais emocional para falar sobre como estabelecer um plano de comunicação que transfere na imagem e resultados da campanha os ODS 10 (Redução das desigualdades), 12 (Consumo e produção responsável) e 17 (Parcerias e meios de implementação), seu vídeo final com certeza deixou a todos que estiveram presentes bastante emocionados.

Após a palestra de Ana Cristina Campelo tivemos um painel de discussão onde os especialistas dos painéis anteriores iriam esclarecer dúvidas dos participantes.

Às 18h15min estava previsto para começar o Coffee Break, um momento para os convidados interagirem, tirarem fotos, darem entrevistas. Inclusive a Revista X montou um rápido estúdio no local para que os empresários junto com as suas famílias e convidados pudessem registrar em uma foto profissional aquele dia.

E Então foi chegado o momento mais aguardado, a Cerimônia Central que iria conceder o prêmio Empresa Brasileira do Ano 2018 para seus convidados e a Escolas Digital Max foi contemplada com o troféu de reconhecimento no ramo de educação, através de seus esforços e dedicação no compromisso publico com a qualidade e excelência dos serviços oferecidos.

ESCOLAS DIGITAL MAX

O grupo Digital Max é uma instituição de ensino profissionalizante que atua nos segmentos de informática, idiomas, empreendedorismo e petróleo & gás, visando capacitar o jovem para o mercado de trabalho.

 

Com 5 unidades distribuídas entre Rio de Janeiro e São Paulo, a Digital Max já formou mais de 100 mil alunos em quase 15 anos de atuação, se tornando assim um dos principais nomes na área de cursos livres do mercado. Os alunos que se formam na Digital Max são preparados para o mercado de trabalho, inclusive, é comum, alguns ex-alunos se tornarem colaboradores da empresa após sua formação.

REVISTA X

Uma surpresa para nós da Revista X aconteceu no final da noite, já quase no fim da premiação, fomos chamados ao palco para receber um troféu de reconhecimento por nosso trabalho desenvolvido, no ramo de comunicação.

A Revista X se sente muito honrada pelo prêmio, pois apesar de ser uma revista existente a pouco tempo no mercado já obtivemos esse reconhecimento tão estimado de uma organização tão importante quanto a LAQI e essa premiação com certeza refletirá em uma dedicação ainda maior para trazer as melhores novidades aos nossos leitores.

Curta e compartilhe a Revista X!
0

A Gigante de Itaboraí acorda novamente. 83

Por: Thiago Dal Bello

Depois de três anos adormecida por  decisão da Justiça Federal , as obras do Complexo Petroquímico do Rio deRevista X - Petróleo e Gás Janeiro (Comperj), poderão  ser reiniciadas a partir de julho. A construção de uma unidade de processamento de gás natural (UPGN) vai representar grandes investimentos e a promessa é a de geração de cerca de 5 mil empregos.

A unidade é o principal projeto de gás no país para os próximos três anos, uma vez que o Brasil tem gás, mas é caro devido a importação do produto. Como o que o país tem de sobra é óleo, a ideia é fazer a troca da matéria-prima e isso demandará mão de obra qualificada e demanda em cadeia.

Revista X - Petróleo e GásEssa movimentação gera empregos em diversas áreas com contratações diretas e indiretas, é preciso estar preparado para não perder oportunidades.

Nesse contexto, o curso de Petróleo e Gás volta ao cenário com força total. Criado  a partir de 2005, como uma opção de graduação tecnológica, o curso forma tecnólogos que  trabalham na exploração, produção, transporte, comercialização, refino, distribuição e logística do petróleo e gás natural. Ele atua em refinarias de petróleo, plataformas e setor de serviços, podendo realizar pesquisas de preço e matéria-prima, consultoria jurídica e ambiental, além de aplicar a legislação do setor visando o controle de acidentes ambientais e de trabalho.

É  o momento  perfeito para quem procura uma oportunidade de  ingresso nesse mercado de trabalho, já que o 

Revista X - Petróleo e Gás

Brasil pretende tornar-se autossuficiente em petróleo descartando a importação desse produto. Vale ressaltar também que a palavra de ordem no segmento é competitividade, não apenas entre a empresas do mercado, mas também do Brasil enquanto país para atração de investimentos.

E nada de pensar em crise!  Segundo Anderson Dutra, sócio e líder do setor de óleo e gás para o Brasil da KPMG, mostrou que o momento de otimismo da indústria é compartilhado por diferentes países. Pesquisa da consultoria norueguesa DNV GL ouviu 723 profissionais, sendo 50 brasileiros, e indica que a confiança nas perspectivas aumentou de 16% para 50%, ou seja, metade dos entrevistados acredita em um setor positivamente diferente para o futuro.

O Brasil está acordado e  se preparando para o futuro, e você?

Curta e compartilhe a Revista X!
0